Textos Sugeridos pelo Autor

16 de agosto de 2013

Acredite





Hei,
Coração bobo,
Bate sem parar,
Está apaixonado outra vez,
Chorar!

Não!
Não mesmo!
Nem hipoteticamente pense,
Não vale a pena,
Invente,





Uma,
Duas, mil,
Razões para acreditar,
Vai ser bem diferente,
Acredite!

Jamais,
Tenha pena,
De si mesmo,
Seja forte, com sorte,
Alcançará,

Um,
Amor verdadeiro,
Gritarás ao mundo,
A quem quiser ouvir,
Venci!


14 de agosto de 2013

Despedida




Não,
Adianta insistir,
Não quero ouvir,
Se tens que partir,
Vá!

Aprenderei,
Viver sozinho,
Sem teu carinho,
Não lhe pedirei mais,
Prometo.




Nunca,
Nunca mais,
Ouvirás meu nome,
Esqueça a minha dor,
Some!

Mas,
Tenha certeza,
Ninguém te amou,
Como eu te amei,
Ninguém!

Guardarei,
Com carinho,
Nossos segredos, confissões,
Tudo que lembrar teu,
Jeitinho.


11 de agosto de 2013

Sem Ninguém

Saudade,
Bateu forte,
Dor da morte,
Ausência, vazio sem fim,
Ruim.

Chorei,
Tua partida
Despedida dói demais,
Perdemos o rumo sim,
Enfim.


Agora,
Vejo passar,
O tempo, devagar,
Tripudiando sobre minha dor,
Horror!

Ainda,
Sinto perfume,
Deixado pela cama,
Meu coração se inflama,
Ciúme.

Sei.
Alguém tem,
Todo seu amor,
Eu vivo sem ninguém,
Sofredor.


10 de agosto de 2013

Reféns

Sabemos que vivemos em um país,
Onde corruptores tem liberdade, portas abertas,
Justiça parece não haver e se houver é incerta,
Onde estará o futuro que a gente sempre quis?



A falta do saber, querer conhecer,
Nos torna reféns da incerteza e do medo,
Nos vemos envolvidos numa teia em um enredo,
E nos perguntamos se o amanhã irá acontecer.

Pra mudar este destino de cartas marcadas,
Só mesmo esta juventude de caras pintadas,
Que não se conformam e não se deixam conformar,

Sua luta é por liberdade, legitimidade,
É um grito, um clamor de todas as idades,
É impossível que alguém não possa escutar.


9 de agosto de 2013

Correndo Atrás

Hoje estou correndo atrás,
Sentindo a falta que você me faz,
As noites são frias, madrugadas vazias,
É o preço e acho que mereço,
E tudo por te deixar.

A cama já não tem o teu cheiro,
Abraço então meu travesseiro,
O sono não vem e sempre chamo por alguém,
Mas ela não pode ouvir nem ao menos sentir,
Vejo tudo se perder.


Ainda hoje ouvi aquela nossa canção,
Parece um pedido de perdão,
Espero ainda ter a chance de ver nosso romance,
Renascer outra vez, deixarei então toda minha insensatez,
E retroceder nunca mais.

Farei tudo que preciso for,
Pra deixar para traz esta dor,
Imagino então você voltando e pelo meu nome chamando,
Vou correndo e digo logo que eu me rendo,
Não quero nunca mais te deixar.


8 de agosto de 2013

Sem Juízo



Queria ouvir do tempo,
Quanto tempo eu tenho para amar você,Acreditar que existe uma força,
Que sempre me mostre o que não posso ver.

Olhar para o horizonte,
E sentir que ainda tenho forças para continuar,
Pensar em você e em tudo que representas,
E nunca desistir de te amar.










Sentir o vento soprar,
E ter a certeza de que você sempre vai estar,
De braços abertos com fartos sorrisos,

Sempre pronta a me dizer,
Que o amor será eterno seja verão ou inverno,
E direi que te amarei sem perjúrio e sem juízo.


7 de agosto de 2013

O Que é o Amor


Hoje quando o sol se pôr,
Vou te falar o que é o amor,
Quando então a lua surgir,
E a gente estando a sorrir,
Vou te mostrar o que é o amor.

Junto ao vento afagar teu cabelo,
Sob o orvalho sentir o teu cheiro,
Em meus braços te apertar,
 Com a doçura que se colhe uma flor,
Com a ternura que se desprende do amor,



Vou te mostrar o que é o amar.
 Não precisa dizer nada,
Guarde as palavras, deixe o silêncio entrar,
Apenas escute o coração,

Teu sussurrar, teu respirar, teu olhar,
Cada gesto, cada afeto, momento de emoção,
Vou te mostrar que não é apenas paixão.

Se o momento nos permite,
Então vamos nos entregar,
Viver hoje e sempre todo amor que existe,

Sem medo, sem culpa, sem razão pra chorar,
E quando o dia amanhecer,
Teremos uma história pra dizer,
Hoje vivemos um pouco do que é o amor.


6 de agosto de 2013

Sonho Meu e Teu



Hoje tem luar, desejo de amar,
Corpos ardentes, corações em chamas,
A cumplicidade nos embala,

Na cama ou no sofá da sala,
Feche os olhos, vamos viajar,
Deixe os sonhos se realizar.





Se o sol parar, se as estrelas não brilhar,
Não importa, fechemos as portas,
Ouço o tum, tum do coração em corpos que se inflamam,

Não deixe este momento acabar!
Não deixe o medo ofuscar,
O amor que viemos buscar.

A imaginação tem asas, tem liberdade,
Seremos livres, seremos um,
O destino será nosso aliado e eu seu eterno namorado,

Você eterna rainha do meu reino encantado,
Se tudo for um sonho meu e teu,
Nem pense em acordar, hoje é o nosso jubileu.

3 de agosto de 2013

Nada a Perder

Tente olhar as estrelas,
O fulgor de seu resplandecer,
Procure imitá-las em atitudes,
Com coragem e virtudes,
Você não tem nada a perder!

Se alguém te faz chorar,
Mesmo que dure uma noite inteira,
Pela manhã a alegria vira,
Então cante com voz altaneira,
Pois esta dor passará!


Não se prenda com o passado,
Nada o trará de volta,
Veja além, mesmo que sinta um fardo,
A esperança sempre bate à porta,
Atenda pode ser este o teu chamado.

Caminhar para frente e sempre avante,
As vezes são necessários alguns tropeços,
Mas se cair levante e tente outra vez,
Nunca pense “não mereço!”,
O sol nasce pra todos mas nem todos podem vê-lo!