Textos Sugeridos pelo Autor

22 de julho de 2011

Qualquer Coisa

Se for para escrever qualquer coisa,
Melhor não escrever nada,
Mas se toda e qualquer coisa que eu escrever,
Fizer parte do nada que vives agora,
Não hesite, sei que vais ler!

Qualquer coisa que talvez não tenha valor,
É meramente elementar, há de se pensar,
Dependendo do momento, da necessidade,
A gente se apega ao que encontrar!

Então tudo aquilo que parecia qualquer coisa,
Agora é algo de valor, não há vergonha nem pudor,
Se conselho fosse bom não seria dado, mas vendido,
Porém quem avisa amigo é, ouça os sábios, parece garantido!

ÀS vezes trocamos palavras por palavras,
Parece tudo tão repetitivo, acho que já disse isto antes,
E assim o tempo passa e a todas aquelas quaisquer coisa,

Agora passa ser algo de tão grande serventia,
E escrevendo algo que seria nada,
A gente joga para fora tudo aquilo que sentia!
Assim os dias passam e a gente ainda pensa que tudo é nada,

Mas as pegadas ficaram na estrada,
Hoje já se foi, passamos por aqui!
É assim a vida, mesmo que seja qualquer coisa,
Faça algo, pode ser muito bom!

0 comentários:

Postar um comentário

Sinta-se a vontade para fazer seus comentários, lembrando que comentários anônimo serão permitidos porém não serão publicados!


Cleilton F. Vieira
cleilton@msn.com