3 de dezembro de 2008

Nossos Segredos

Você foi meu primeiro amor,
Ao seu lado tudo era tão lindo,
Sentir o seu corpo junto ao meu,
A suavidade dos seus lábios Envolvia-me em um sonho,

Um calor...
Sob a luz do luar,
Nossos momentos se fizeram inesquecíveis,
Tudo parecia tão perfeito,
Por ironia do destino, sabemos nós,
Tudo se acabou tão de repente,
Hoje só nos restam às lembranças,
Envoltas pelo ar!
Em cada um uma história única,
Só nós conhecemos!

Pois juntos vivemos, por um instante nos amamos,
São segredos que não revelamos,
Como imenso carinho guardamos,
Pois são segredos de nós dois,
Castelos... Sonhos... Nossas muralhas...

Alegrias infinitas!
As águas passam pelo moinho e não voltam mais,
Perdem-se na imensidão do mar,
Assim fomos nós, a ruptura chegou!
Porém as marcas de nosso amor ficarão eternamente,

E sempre refletirá a vida,
Os sonhos que vivemos,
Os beijos que trocamos,

Sei que não vamos esquecer!
São segredos de nós dois,
Nem mesmo o tempo os poderá apagar!

0 comentários:

Postar um comentário

Sinta-se a vontade para fazer seus comentários, lembrando que comentários anônimo serão permitidos porém não serão publicados!


Cleilton F. Vieira
cleilton@msn.com