Textos Sugeridos pelo Autor

25 de novembro de 2010

Interrogação

Se amanhã eu chorar,
Sentindo a falta dos braços seus,
Depressa, depressa vem me ajudar,
Se amanhã eu em encontrar sorrindo,
Saiba que continuo insistindo,
Pra ter você nos braços meus.

Abrir meu coração pra você entrar,
As chaves ficaram do lado de fora,
Por isto não posso te deixar,
Embora você insista em não me ver,
E assim eu tenha que lhe esquecer,
Não apagarei os momentos de outrora.
Fomos tudo que podíamos ser,
Tudo que hoje se resume em nada,

Até as lembranças vem me entorpecer,
Elas retratam nossos sonhos, nossas fantasias,
Nossas tristezas, nossas alegria.
Até nossas pegadas que ficaram pela estrada.

Será que o tempo apagou?
As chamas ardentes do nosso amor?
Será que foi o destino que nos separou?

Por um longo tempo permanecerá esta interrogação,
E sentirás em seu coração,
Que não sou apenas um sonhador.

0 comentários:

Postar um comentário

Sinta-se a vontade para fazer seus comentários, lembrando que comentários anônimo serão permitidos porém não serão publicados!


Cleilton F. Vieira
cleilton@msn.com