Textos Sugeridos pelo Autor

25 de novembro de 2010

Lamentações

Meus pensamentos,
Se vão mais velozes que o vento,
Pra te encontrar.
São momentos de aflição,
Bate tão forte meu coração,
Não posso suportar.

Estou aqui parado, chateado,
Meu amigo de cordas ao lado,
Tento agora te esquecer.
As melodias soam tão tristes,
E meu coração insiste,
Progressivamente a bater.

São batidas lamuriantes,
Em um compasso palpitante,
Entre mágoas e dor.
Talvez seja a razão do destino,
Que faz um homem tão triste, andarilho.
A viver por este mundo em busca do amor.

Por quanto tempo ainda alimentarei esta ilusão?
Apegando-me ao nada, sentindo o coração,
Em soluços, aos gritos se esvaindo.
Sou mais um a viver a realidade,
Sentir tão longe a felicidade,
Tendo um coração dilacerado, se partindo.•.

0 comentários: